Esporte

Batatais FC 100 anos: conhece a história do clube? E as conquistas? Veja aqui

Time já fez final contra o Corinthians e obteve vários acessos em sua trajetória


Da Redação | 18/09/2019 | 15:07


Lances do histórico jogo entre Batatais e Guarani, em SP, em 12 de fevereiro de 1950 | Foto: Reprodução

A história do Batatais FC, datada de 1919, é rica em detalhes e, também, em conquistas. Campeão do interior, campeão estadual sub-20, revelação de jogadores para a seleção brasileira…

São vários os capítulos dessa história que surgiu a partir de uma dissidência. Fundado a partir do Riachuelo, o Batatais surgiu graças, entre outros, aos esforços do coronel Olvídeo Tristão de Lima, conforme registros da FPF (Federação Paulista de Futebol).

Ele teve papel primordial nos primeiros anos do clube e hoje é considerado seu patrono e presidente de honra. Tristão também foi responsável pela doação do terreno onde foi construído o primeiro campo do Batatais, e que hoje abriga o estádio Dr. Oswaldo Scatena.

Na década seguinte o clube ganhou o apelido que ostenta com orgulho até hoje: “Fantasma da Mogiana”, devido ao temor que provocava nos adversários da região. Lembremos que ele surgiu num período em que as ferrovias eram o principal meio de transporte no interior paulista, e que estamos situados na região da Mogiana, que era atendida pela CMEF (Companhia Mogiana de Estradas de Ferro).

Entre 1934 e 37, o Batatais disputou mais de cem partidas, sendo derrotado em apenas três oportunidades, ainda de acordo com a FPF. Em 1945, o clube alcançou seu maior feito, o título de campeão paulista do interior, o máximo que poderia atingir um clube de fora da capital.

Abaixo, trechos do histórico do clube, segundo a entidade máxima do futebol paulista:

“Mas ainda era pouco para o Batatais. O clube juntou forças com a Ponte Preta e o XV de Piracicaba – outras potências do futebol interiorano na época – e pleiteou junto à Federação Paulista o direito de disputar campeonatos profissionais. A pressão deu certo e em 1947 foi criada a Lei do Acesso. Com isso formou-se a Segunda Divisão Paulista, que passou a contar com clubes de fora da capital.

Entre 1947 e 1949, o Batatais disputou a competição que ajudara a fundar chegando bem perto do acesso em 1949. Naquele ano o time chegou às finais contra o Guarani, mas acabou perdendo por 2 a 1 em jogo disputado na rua Javari, em São Paulo. Insatisfeita com a arbitragem, a diretoria retirou o clube das competições profissionais, retornando somente em 1956.

Entre 1956 e 1967, o clube retornou ao profissionalismo, contando com grandes atletas que fizeram renascer o “Fantasma da Mogiana” na disputa da Segundona. Apesar das boas campanhas no período, o clube nunca conseguiu chegar à elite do futebol paulista.

Em de 1968 houve uma nova paralisação. O Batatais deixou de investir em seu departamento de futebol para construir seu estádio. Com a inauguração do novo campo, em 1971, o Fantasma voltou aos gramados na então Primeira Divisão (Série A2), competição que disputou até 1976, quando foi rebaixado para o terceiro nível do futebol Paulista, que aquele ano mudou de nome para a Primeira Divisão (a então Primeira passou a ser Intermediária).

O clube disputou a Primeira Divisão (A3) até 1981, quando conseguiu o acesso para a Segunda Divisão (A2). Sua participação no torneio duraria cinco temporadas, até 1986, quando o time voltou ao terceiro nível do Paulista (à época Segunda Divisão, equivalente à atual Série A3).

Em 1993, o Batatais sofreu novo golpe, desta vez passando a disputar a então Série B-1 (atual Segunda Divisão). O time amargaria 15 anos nesta divisão até conseguir o acesso para a A-3, em 2008. O clube ficou na A-3 de 2009 a 2013, quando conquistou mais um acesso.”

Nos últimos anos, o time reviveu o que tinha passado em suas primeiras décadas: disputou a Série A-2 até 2018 e esteve perto do acesso à elite em 2016, quando esbarrou no Mirassol na semifinal --duas derrotas tiraram o time da inédita disputa da primeira divisão.

Em 2019, voltou a jogar a Série A-3, devido ao fraco desempenho em campo no ano anterior, que culminou no rebaixamento.

CAMPANHAS

Entre as competições em que o clube destacou estão as seguintes:

  • Vice-campeão da segunda divisão (1949)
  • Vice-campeão da quarta divisão (2008)
  • Vice-campeão da terceira divisão (2013)
  • Campeão Paulista Sub-20 (2004)
  • Vice-campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior (2017, perdeu a final para o Corinthians no Pacaembu)

LEIA MAIS

- Batatais FC 100 anos: Esqueça o passado recente, há muito o que se celebrar

 

 

 

*É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo em qualquer meio de comunicação sem prévia autorização


COMENTÁRIOS

Mais Lidas no mês


Polícia

Estudante de 11 anos afirma que foi estuprada por filho de sua madrasta

Suspeito foi detido pela PM, mas acabou liberado na delegacia

Turismo e Eventos

Com jogos e 20 horas de open bar, CaipirUSP 2019 será em Batatais

Evento é promovido pelas Associações Atléticas Acadêmicas da USP

Gente

Morre Mary, representante do samba, da comunidade negra e da educação

Maria Aparecida de Oliveira estava internada havia três dias e morreu na madrugada desta quarta

Batatais

Eleição para Conselho Tutelar de Batatais será neste domingo; confira os candidatos

Para votar, é preciso levar o título de eleitor e um documento de identidade com foto

Mais sobre Esporte

Esporte

Batatais FC 100 anos: conhece a história do clube? E as conquistas? Veja aqui

Time já fez final contra o Corinthians e obteve vários acessos em sua trajetória

Esporte

Batatais FC 100 anos: Esqueça o passado recente, há muito o que se celebrar

No time, que celebra o centenário nesta 4ª, surgiram 3 jogadores que disputaram Copa do Mundo

Esporte

Processo está recheado de inconsistências, erros e falta de provas, diz presidente do Batatais

Clube recorre de decisão que o suspendeu por 240 dias; dirigente afirma crer em reversão

Esporte

Batatais é suspenso pela Justiça Desportiva por 240 dias; cabe recurso

Clube vê ameaçada sua participação na Série A-3 de 2020



Copyright © 2019 - BATATAIS 24h | Todos os direitos reservados.


É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo em qualquer meio de comunicação sem prévia autorização.



Byte Livre