Cultura

'Show foi censurado, não cancelado', diz humorista

Em entrevista exclusiva ao Portal Batatais 24h, Eros Prado afirma que vive momento inédito; veja também o que diz o secretário da Cultura


Da Redação | 01/03/2020 | 03:37


Integrante do Pagode da Ofensa garante que show será realizado no dia 8 | Foto: Reprodução

O humorista Eros Prado diz considerar que a sua apresentação marcada para 8 de março no Teatro Municipal Fausto Bellini Degani, em Batatais, foi censurada, e não cancelada. À Reportagem do Batatais 24h ele disse estar vivendo uma situação inédita.

A decisão da administração de cancelar o espetáculo se deveu a vídeos produzidos pelo artista para convidar o público a prestigiar o show. Neles, Prado fala de supostos fatos alusivos a pessoas da cidade, que foram considerados ofensivos.

O artista, no entanto, diz estranhar os argumentos. “Não é normal ter cancelamento desse tipo (...), geralmente a prefeitura fica neutra e me estranhou muito terem ficado tão nervosos, ficarem com tanta ‘pilha’ sobre as brincadeiras. Eu começo a pensar que se quiseram cancelar, é porque algo tem. Se querem esconder alguma coisa é porque têm medo de alguma coisa”, disse.

Em tom de deboche e indignação, durante os últimos dias o humorista usou sua conta numa rede social para disparar uma série de novos vídeos e postagens com supostas “indiretas” a pessoas da cidade.

“Isso que eu fiz é só um ‘pedacinho do iceberg’ de tudo o que a população está nervosa. Eu recebi muitas mensagens, mas muitas mesmo, não estou conseguindo responder a todas as indignações sobre ‘causos’ da cidade, não só de ‘tiração’, mas casos envolvendo problemas da prefeitura. A população tem que ir nesse show”, disse.

Prado afirmou ainda que, de um jeito ou de outro, o show será realizado na cidade, podendo ser em clubes, restaurantes ou mesmo na rua. “A gente vai manter o show em respeito a todos que acompanham o meu trabalho. Se do outro lado não teve esse respeito de manter a atração artística, cultural, a gente vai manter. Com certeza vai ter, dia 8.”

Por fim, o humorista reafirmou que se sente vítima de censura e que não vê sentido no veto. “Isso não pode acontecer, não tem censura no Brasil. A Secretaria da Cultura proibiu sem cabimento algum, só dizendo que estava ficando sem clima para o show, não faz sentido.”

Outro ponto levantado por Prado foi uma suposta quebra de contrato que estaria em curso pelos representantes do teatro. “Quando você reserva uma data em um teatro, sendo municipal ou não, você preenche um formulário, preenche um contrato, paga-se uma taxa. Foi uma quebra de contrato por parte deles.”

NO TEATRO, NÃO 

O secretário da Cultura da cidade, Luciano Dami, por sua vez, nega a existência de contrato assinado e descarta completamente a possibilidade de a peça do dia 8 voltar para a agenda do teatro.

Ela rechaça a versão de “censura” sustentada por Prado. “Não fizemos nada para tolher o direito de expressão. O cancelamento se deu em função dos vídeos publicados para a divulgação, que se enquadram no inciso 10 do artigo 5º, que determina que não se pode ferir a intimidade, privacidade, honra e imagem de outra pessoa”, disse.

Dami destaca que não se pode usar o argumento da liberdade de expressão para ferir outros direitos garantidos. “Se o teatro baliza tal situação e sofre processos, toda a população é que paga a conta”, afirmou.

O secretário ainda afirmou que defende todo tipo de manifestação cultural e que a decisão de cancelar o show no teatro foi a mais difícil que teve de tomar em sua gestão à frente da Cultura em Batatais --iniciada em janeiro de 2017.

"Mas é preciso pensar como gestor público, ver o todo", afirmou.

Em junho do ano passado, o Pagode da Ofensa se apresentou em Batatais, no próprio Teatro Municipal, com Eros Prado e os outros integrantes (Xaxá, Lelê e Tatá).

Em seus shows, o grupo tem quadros como “duelos de rimas”, “paródias da ofensa” e os “trotes da ofensa”, que fazem sucesso no canal de YouTube do grupo, que possui 6,3 milhões de pessoas inscritas.

LEIA MAIS

Após polêmica, prefeitura cancela show de humor no Teatro Municipal; humorista reage

Após novo vídeo de humorista, secretário da Cultura vai à polícia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


COMENTÁRIOS

Mais Lidas no mês


Saúde

Batatais proíbe crianças e famílias em supermercados a partir de hoje

Secretaria da Saúde indica que apenas uma pessoa da família vá às compras

Comportamento

Na quarentena e com o carro parado? Veja cuidados que você deve ter com seu veículo

Mudar a posição do carro para que a cinta metálica que faz parte da estrutura do pneu não se deforme é uma das dicas

Cultura

Previsto para junho, João Rock 2020 é adiado devido à pandemia

Um dos maiores festivais de música do país anunciou nova data de sua 19ª edição

Mais sobre Cultura

Cultura

Previsto para junho, João Rock 2020 é adiado devido à pandemia

Um dos maiores festivais de música do país anunciou nova data de sua 19ª edição

Cultura

Benito Di Paula, o amigo de 'Charlie Brown', está de volta a Batatais

Ídolo desde o início dos anos 70, cantor relembrará seus grandes sucessos em um show-baile no Clube de Campo

Cultura

Frank Aguiar fará show em Batatais nesta sexta; saiba como ganhar ingressos

Apresentação será no restaurante Terreirão; evento terá também show completo do Raiz Samba 6

Cultura

'Show foi censurado, não cancelado', diz humorista

Em entrevista exclusiva ao Portal Batatais 24h, Eros Prado afirma que vive momento inédito; veja também o que diz o secretário da Cultura



Copyright © 2020 - BATATAIS 24h | Todos os direitos reservados.


É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo em qualquer meio de comunicação sem prévia autorização.



Byte Livre