Esporte

Batatais é suspenso pela Justiça Desportiva por 240 dias; cabe recurso

Clube vê ameaçada sua participação na Série A-3 de 2020


Da Redação | 10/09/2019 | 12:41


Clube, que celebra seu primeiro centenário na próxima semana, enfrenta duro golpe | Foto: B24h

O Batatais FC foi suspenso de suas atividades por 240 dias em julgamento realizado pelo TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) da FPF (Federação Paulista de Futebol) nesta segunda-feira (9).

Cabe recurso, mas com a punição o clube vê ameaçada sua participação na Série A-3 do Campeonato Paulista de 2020.

Conforme a ata da sessão, além da suspensão por 240 dias, o Batatais foi condenado por maioria de votos a pagar uma multa de R$ 70 mil por infringir o artigo 239 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva).

O artigo pune quem deixa de “praticar ato de ofício, por interesse pessoal ou para favorecer ou prejudicar outrem ou praticá-lo, para os mesmos fins, com abuso de poder ou excesso de autoridade”.

Embora pesada, a pena poderia ser até maior, podendo chegar a 360 dias de suspensão e a R$ 100 mil de multa.

O clube ainda foi absolvido de uma denúncia suspeita de infração ao artigo 243-A (atuar, de forma contrária à ética desportiva, com o fim de influenciar o resultado de partida, prova ou equivalente).

Como o Batatais já cumpriu 30 dias de uma suspensão preventiva imposta no início de agosto, terá de cumprir 210 dias de punição. Isso significa não disputar a Série A-3 do Campeonato Paulista de 2020.

Agora, o clube fica na dependência de conseguir um efeito suspensivo ou a reversão da punição em instância superior para prosseguir com suas atividades.

O episódio vem à tona a uma semana da comemoração do centenário do clube.

OUTRAS PENAS

Além do Batatais, foram punidos o secretário do clube, Paulo Cesar Garbellini, o Gatão (multa de R$ 1.000 e suspensão de 230 dias por infringir o artigo 239) e o ex-técnico do clube Thiago Oliveira (mesmo artigo, multa de R$ 1.000 suspensão de 120 dias, além de infringir o artigo 243-A, com multa de R$ 1.000 e suspensão de 6 jogos).

Já o atleta Everton Gilio, o Tom, também julgado, foi absolvido no artigo 239 e condenado no 243, parágrafo 1º, com multa de R$ 10 mil e suspensão por 400 dias).

Ainda conforme a ata, há “fortes indícios de participação de outras pessoas” e a investigação continuará. O presidente do clube, José Luis Lobanco Arantes, foi excluído das investigações por “questão humanitária” --enfrenta problemas de saúde.

Ao Globoesporte.com, Garbellini disse que iria recorrer, asim como o jogador Tom.

Já o técnico Thiago Oliveira, ao site Futebol Interior, afirmou não ter nenhuma participação no ocorrido, que é inocente e foi enquadrado por conta de uma má interpretação. Disse ainda que vai recorrer da decisão.

 

(*) atualizado às 212h13 de 11/09


COMENTÁRIOS

Mais Lidas no mês


Polícia

Estudante de 11 anos afirma que foi estuprada por filho de sua madrasta

Suspeito foi detido pela PM, mas acabou liberado na delegacia

Turismo e Eventos

Com jogos e 20 horas de open bar, CaipirUSP 2019 será em Batatais

Evento é promovido pelas Associações Atléticas Acadêmicas da USP

Gente

Morre Mary, representante do samba, da comunidade negra e da educação

Maria Aparecida de Oliveira estava internada havia três dias e morreu na madrugada desta quarta

Batatais

Eleição para Conselho Tutelar de Batatais será neste domingo; confira os candidatos

Para votar, é preciso levar o título de eleitor e um documento de identidade com foto

Mais sobre Esporte

Esporte

Batatais FC 100 anos: conhece a história do clube? E as conquistas? Veja aqui

Time já fez final contra o Corinthians e obteve vários acessos em sua trajetória

Esporte

Batatais FC 100 anos: Esqueça o passado recente, há muito o que se celebrar

No time, que celebra o centenário nesta 4ª, surgiram 3 jogadores que disputaram Copa do Mundo

Esporte

Processo está recheado de inconsistências, erros e falta de provas, diz presidente do Batatais

Clube recorre de decisão que o suspendeu por 240 dias; dirigente afirma crer em reversão

Esporte

Batatais é suspenso pela Justiça Desportiva por 240 dias; cabe recurso

Clube vê ameaçada sua participação na Série A-3 de 2020



Copyright © 2019 - BATATAIS 24h | Todos os direitos reservados.


É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo em qualquer meio de comunicação sem prévia autorização.



Byte Livre